Incubadoras de startups: entenda as vantagens

Incubadoras no mundo empreendedor são instituições públicas ou privadas que ajudam startups iniciantes a se desenvolverem melhor.

Essas instituições vão desde grandes empresas que visam fomentar a inovação internamente, até iniciativas governamentais que focam em estimular inovação na sociedade, sobretudo em locais específicos ou para temas que demonstram necessidade.

Esse conceito como conhecemos surgiu em 1959, nos Estados Unidos, por Joseph Mancuso, quando ele designou o espaço da sua antiga empresa falida a ser o local de novos negócios para empreendedores que estavam desenvolvendo suas ideias, em troca de um aluguel.

Assim como outros programas de apoio, as incubadoras oferecem auxílio temporário, que varia de acordo com o regulamento de cada uma, mas, no geral, essas ações acontecem em torno de 12 a 24 meses.

Para conseguir ser notado por uma incubadora,  após a inscrição para participação em um programa, é preciso que você tenha um projeto que atenda os requisitos de fase inicial de um negócio. E como fator facilitador, é recomendado que você procure incubadoras que tenham relação com a área de atuação do seu projeto. 

Como o objetivo principal é desenvolver um negócio, as incubadoras dispõem de uma infraestrutura adequada capaz de promover boa experiência gerencial, contando com apoio de contabilidade, gestão financeira, marketing, área de gerência, cursos e treinamento, além disso, o networking nesses ambientes é ainda mais amplo, possibilitando um alcance maior de parcerias estratégicas e novas oportunidades.

Vantagens em participar de uma incubação

Além da rica rede de contatos que você obtém ao fazer parte de uma incubadora, ela também te proporciona vantagens como:

Financiamento ou Injeção de Capital

Quando falamos de relações comerciais, o dinheiro certamente é uma moeda de troca, isso porque a aquisição de produtos, serviços e experiências se dá através dele. Portanto, levando em consideração os resultados esperados de uma startup de sucesso, certamente existem partes interessadas em fazer um investimento inicial com o intuito de ajudar essas empresas a alcançarem um impacto de forma mais rápida do que se trabalhassem sozinhas.

Para que as atividades de uma startup sejam colocadas realmente em prática é necessário recurso financeiro suficiente capaz de otimizar o andamento dos processos, incluindo pagamento de contas advindas de custos e despesas, e investimento em determinado material, por exemplo.

Apoio a Decisões Jurídicas

Ainda que startups sejam empresas com uma cultura mais informal, elas não escapam dos detalhes jurídicos que qualquer organização deve se preocupar.

Um ponto muito importante que precisa ser levado em consideração diante desse panorama é a opção societária, ela é viável perante a compreensão de quem administra a sociedade, qual a responsabilidade de cada sócio e como será a distribuição de lucros.

A complexidade dessas atribuições podem assustar alguns empreendedores, mas em meio a um cenário tão incerto é necessário que compreendamos as condições, as vantagens e desvantagens para escolhermos as situações que melhor nos cabe diante dessas relações.

Acompanhamento Constante de Desempenho

Algo que faz muita diferença, principalmente quando estamos falando de empresas iniciantes, é o acompanhamento por parte de mentores acerca do projeto que está sendo desenvolvido.

Diferente de conteúdos e programas instantâneos os quais você aprende algo e fica a mercê da aplicação solitária sem poder recorrer a alguém experiente, dentro das incubadoras o seu processo é potencializado, pois, além de você ter as melhores ferramentas para execução, você também conta com o apoio e suporte constante de alguém com as expertises necessárias do seu lado, te orientando e guiando para o melhor caminho.

Contato com Novas Tecnologias

Ambientes de inovação são cercados por tecnologias de ponta, e nas incubadoras isso não é diferente. Como mencionamos a infraestrutura é um fator vantajoso no programa, porém, mais do que a simples disposição de um espaço físico com internet, telefone e salas de reunião, essas iniciativas contam com recursos tecnológicos que favorecem tanto o desempenho da empresa, quanto de você enquanto profissional, que passa ter a oportunidade de usufruir de equipamentos modernos aperfeiçoando suas habilidades.

Conclusão

as vantagens de uma incubadora de startups

Entendeu como estar em uma incubadora de startups é importante para começar a colocar a sua ideia de negócio em prática?

Muitos empresários alegam os desafios gigantescos desse momento inicial, principalmente da dificuldade de dar o “pontapé” e colocar a empresa nos trilhos. Mas depois desse artigo tenho certeza que você não encontrou motivos para não se inscrever em um programa incrível e super vantajoso como esse.

Compartilhe esse artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email.

    Artigos recentes

    Redes sociais

    Siga-nos nas redes sociais: