3 casos de transformação digital que vale a pena conhecer

Há alguns anos estamos passando por processos de transformação digital. Antes de tudo, ela é fundamental para todas as empresas de qualquer porte. Contudo, nem sempre o seu significado está claro para todos os envolvidos, sobretudo para os líderes.

Quando se fala em transformação digital, surgem sempre algumas dúvidas pertinentes, como: Há etapas específicas que precisamos realizar? Precisamos contratar mais colaboradores para nos ajudar a criar uma estrutura para a transformação digital ou contratar um serviço de consultoria? Que partes de nossa estratégia de negócios precisam mudar? Vale a pena investir nisso?

Neste artigo, vamos te mostrar como a inovação funciona e você vai conhecer 3 casos de transformação digital de sucesso de grandes empresas que passaram por esse processo.

Transformação digital: o conceito

A transformação digital é a integração da tecnologia digital a todas as áreas de um negócio, o que muda a forma como você opera e entrega valor aos clientes. Além disso, é também uma mudança cultural e de mentalidade, que exige que as empresas desafiem continuamente o status quo, e se sintam confortáveis em sempre pensar na melhoria da experiência do cliente.

Em outras palavras, pensar na experiência do cliente e investir em inovação digital nada mais é do que uma excelente estratégia de crescimento. Por isso, empresas de todos os portes estão alinhando seus projetos de crescimento a projetos de inovação e transformação digital.

Dessa forma, é possível atender as demandas e anseios dos clientes e crescer em seu mercado por meio de uma entrega inovadora e tecnológica.

Para entender como isso funciona na prática, vamos conhecer alguns cases de grandes empresas que investem em transformação digital e quais os resultados elas têm alcançado.

Johnson & Johnson

A tradicional empresa de produtos farmacêuticos e hospitalar, Johnson & Johnson, iniciou suas atividades no Brasil em 1933, quando se instalou na Mooca, na cidade de São Paulo. Desde então muita coisa aconteceu.

Com o intuito de oferecer os melhores produtos da linha hospitalar, a empresa impulsionou seu crescimento com altos investimentos em inovação e tecnologia. Ademais, a empresa nunca parou de inovar e hoje oferece um programa de inovação aberta, conhecido como JLabs.

Com esse Laboratório de Inovação Aberta, a Johnson & Johnson oferece ferramentas de inovação para empreendedores da indústria farmacêutica. Dessa forma, a empresa aposta na distribuição das novas tecnologias e permite que mais empresas se beneficiem de seus processos de transformação digital.

Netflix

Até o final das décadas de 1990 e 2000, para se ver filmes fora do cinema era preciso alugar em locadoras de vídeos. A Blockbuster foi líder do mercado de locação de vídeos até 2011, quando declarou falência.

A partir daí a forma de consumir filmes mudou um pouco. A Netflix, no início, enviava DVDs para os clientes. Desde sempre pensando na experiência do cliente, não poderia ser diferente quando a empresa saiu na frente do mercado de streaming de vídeos on demand.

A empresa se adequou rapidamente aos processos de transformação digital, e em 2018 a Netflix contava com 137 milhões de assinantes pelo mundo afora e uma receita de mais de R$ 11 bilhões. Hoje, a Netflix já tem 209 milhões de assinantes.

Além de exibir filmes de outras produtoras, o grande sucesso da Netflix é o fato dela ter se tornada uma das maiores produtoras de conteúdo do mundo. Principalmente após começar a realizar produções próprias de altíssima qualidade. A empresa foi pioneira em transformação digital na indústria de entretenimento.

Magazine Luiza

O lucro da Magazine Luiza girou em torno de 95 milhões em 2021, praticamente o mesmo de 2019, desde que a empresa decidiu fazer uma transformação digital. Do mesmo modo, seu e-commerce já cresceu 46% só esse ano. Ademais, seu sucesso com vendas on-line se deve muito a essa transformação digital.

Sair do comércio varejista físico para se tornar referência do e-commerce não foi uma tarefa fácil. Inicialmente, foi preciso reforçar a força de trabalho com mais colaboradores na equipe comercial. Além disso, mudar processos de vendas e investir em marketing digital com foco em promoções foi fundamental para verem os resultados mais rapidamente.

Assim, a empresa conseguiu chegar até os clientes que já compravam on-line e os que começaram a ter esse hábito depois da pandemia. E não foi só isso. Com a ajuda da tecnologia, a Magazine Luiza se tornou multicanal ao conectar todos os pontos de contato da loja. Dessa forma, investiu muito para oferecer a melhor experiência para seus clientes nas suas lojas físicas, além dos ambientes digitais.

Um detalhe importante foi o investimento que ela fez em coleta de dados para definir potenciais clientes. Com esses dados, a empresa consegue fazer contato com esses possíveis clientes por meio de tecnologia programada e listagem de e-mails. A empresa conseguiu:

A transformação digital exige muito das empresas do início, como: investimento em tecnologia, contratação e treinamento de pessoal, mudança na mentalidade da empresa, riscos de erros no processo de implementação e manutenção de novos processos, entre outros.

Porém, a partir do momento que esse estágio inicial de investimento e implementação passa, o que vem a seguir é uma grande estruturação e estabilidade. A mudança mais significativa, porém, costuma acontecer de dentro para fora. Por exemplo, quando falamos dentro, estamos nos referindo à mudança de mentalidade e quebra de crenças limitantes.

Quando a empresa consegue inserir uma cultura de inovação, que visa a excelência do atendimento ao cliente, todos os profissionais envolvidos nesse processo colaboram para obter bons resultados. Afinal, hoje a transformação digital é fundamental para o crescimento, como vimos nesses 3 grandes exemplos.

Compartilhe esse artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email.

    Artigos recentes

    Redes sociais

    Siga-nos nas redes sociais: